quarta-feira, 28 de setembro de 2011

19

A demora faz com que o tempo passe...

Devagar feito folhas que caem no outono...

Sem órbita de sentido, alcance e, a mira precisa...

É como a natureza das coisas não age.

A falta faz com que o tempo pare...

Rapidamente deixando um enorme vazio...

De pensamentos, frases, carência e, de sentidos perdidos...

É assim que não me esqueço de te lembrar que existo.




A.A>

Nenhum comentário:

Postar um comentário