quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Leituras #1

*Niilismo
Rossano Pecoraro



      Apesar deste livro possuir apenas 64 páginas e de pertencer a categoria de Filosofia 'passo -a - passo', existe bastante conteúdo sintetizado sobre o nihil, sua historiografia, principais ícones e paradigmas que o cercam. Na minha opinião, o livro é bastante útil - chega até a comentar a questão do 'ponto zero' de Jünger e a crítica de Heidegger, mas fica devendo por pouco degustar Jean Paul Sartre e 'O Ser e O Nada'. Outro ponto importante diz respeito a parte em que o texto é subdividido e o niilismo interage com a política; Ideologicamente o autor deixa transparecer uma visão socialista sobre o assunto, perdendo-se da narrativa filosófica e histórica em que estava inserido.




A.A>

Nenhum comentário:

Postar um comentário