segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Nosso entupido e conveniente padrão de estupidez reacional e racional

Você ama o que te convém
assim como o desgosto é o gosto que não te quer
te custa um preço o desprezo
te parece cedo o levantar
te dói qualquer cair

E é só assim que você menospreza:
sendo um pedaço de lixo
o valor não lhe cabe brilho
Não lhe acontece o perdão...
Essa é a verdade entupida

Alguém lhe deu um cotonete e,
lhe disse pra reagir
depois do 'olá'.

Vista-se
Anote suas coordenadas
O mundo mudou

Terminou a poucos minutos atrás.

Um comentário:

  1. Gosto mto disso! Vc sabe...

    Gosto da frase "o desgosto é o gosto que não te quer"... poema dolorido...

    meio eu... talvez por isso... dolorido...

    Estou reticente hj... desculpa...

    ResponderExcluir